Diminuir a fonteAumentar a fonte 24/03/2007
Aprendendo a ouvir
por Cezar Andrade Marques de Azevedo

rute: Voltei. Tivemos uma queda na energia.

cezar: Vou escrever um artigo: espinhos e abrolhos, vai fortalecer muito você quando o ler.

rute: Sim. Obrigado!

cezar: Procure sempre olhar o que fez à luz do que tem de ser feito e olhar o que foi feito como algo acabado, que nada mais se muda, assim, o feito se torna fonte de aprendizado e não de opressão e o que será feito algo que traz o aprendizado. Se você seguir essa visão, dificilmente se abalará com uma critica sobre o que se realizou.

rute: Acho que todas as críticas boas ou não são bem vindas. Fazem com que você aprenda, cresça., enfim, se você souber aceitá-las e corrigir seus erros é ótimo! O que não gosto é de grosseria sem razão e algumas pessoas tem  agido desta forma comigo.

cezar: Entendo. Nesse caso deixa eu dizer o que faço, se me permite.

rute: Sim..

cezar: Eu tenho um filtro em meu ouvido que funciona como interprete. Eu entendo que toda pessoa tem o direito de articular sua fala e expressão como bem entender, mas que, ao fazer isso, está procurando transmitir um recado, uma mensagem. Então independente do modo como ela se dirige a mim, eu faço a seguinte pergunta: O QUE DE FATO ELA QUER ME COMUNICAR?

cezar: Eu me concentro no comunicado, filtrando tudo o mais. Como tenho essa prática de muitos anos dificilmente me ofendo com grosseria, pois persigo a compreensão da mensagem.

cezar: Você desenvolvendo essa qualidade aumentará seu poder de compreensão das situações que lhe chegam.

rute: Sei,  mas fico chateada quando alguém que gosto faz isso. Mas você tem razão.

cezar: Concordo, são com esses que tem de treinar.

rute: Obrigado! Vou fazer isso!

cezar: Veja você, eu treino isso muitas vezes com as pessoas que são próximas de mim. Por isso uso o filtro, indistintamente, com todos, pois o segredo do filtro é não escolher pessoas, aplicar a todos. Isso não vai evitar mágoas, mas vai diminuir muito a oportunidade dela ocorrer.

rute: Claro! Obrigado!

cezar: Note uma coisa Rute, você precisa de técnica para ouvir. Use situações como as que você passa para praticar. Mude sua percepção do fato e verá que captará coisas novas. A Bíblia diz que o homem seja tardio no falar, tardio no irar, pronto no ouvir. Aprenda isso e coloque em prática EM TODAS AS SITUAÇÕES, assim você transforma cada oportunidade num momento de treinamento pessoal e ganhará muito maior prazer em estar com pessoas, mesmo que elas aos olhos dos outros, sejam grosseiras.

rute: Sou muito impulsiva, mas vou me "doutrinar".

cezar: Sim,  lembre-se sempre de uma coisa, se você não conseguir colocar em prática numa situação, sempre TERÁ OUTRA, portanto, o importante é estar perseguindo esse objetivo e não esmorecer. Por isso assuma essa atitude com absoluta tranqüilidade.

cezar: Eu já perdi incontáveis vezes antes de que isso fosse uma prática praticamente constante. Agora, que você está desperta para isso, persiga e verá como é proveitoso.

rute: Vou fazer isso.

cezar: Confio no seu sucesso.

rute: Obrigada! Te mais.

cezar: Paz.

Clicando aqui você pode enviar seu comentário